Quinta-Feira
30 de Novembro de 2000

Ladrão descoberto no fim da novela

Quem roubou as apólices de Catarina (Adriana Esteves)? O autor da novela das 18h, Walcyr Carrasco, não conta nem sob tortura. Os suspeitos serão muitos, entre eles Heitor (Rodrigo Faro), que forçará o cofre durante a festa de casamento de Batista (Luís Mello). Serafim (João Vitti) e Marcela (Drica Moraes) também estarão na lista, já que haviam planejado o roubo e tinham inclusive o segredo do cofre.

Segundo o autor, o ladrão só será revelado no fim da trama. Até lá, o poeta Edmundo (Ângelo Antônio) vai pagar o pato. "Ele será preso como principal suspeito do roubo graças a uma trama de Marcela e Heitor", adianta Walcyr.

Já Catarina e Petruchio (Eduardo Moscovis) terão sua segunda noite de amor. No entanto, a felicidade do casal não vai durar muito tempo graças a mais uma maldade de Marcela.

Quando descobrir que a feminista e o fazendeiro estão bem, a vilã atacará. E os dois acabarão brigando porque Petruchio desconfiará que Catarina só consumou o casamento por imposição do pai para receber sua parte naherança. "Batista pede a Dinorá (Maria Padilha) que diga a Catarina que só entregará a herança se ela tiver uma lua-de-mel com Petruchio. Senão, o casamento poderia ser anulado. Dinorá, mancomunada com Marcela, nada dirá, porque ambas sabem que Catarina se apaixonou. Quando Marcela descobre que os dois finalmente se entenderam, ela conta tudo a Petruchio.

Ao mesmo tempo em que conseguirá separar o casal de protagonistas da trama, Marcela passará por problemas em seu casamento. Ela tratará mal o marido porque ele ronca. E, apesar de se unir a Heitor para incriminar Edmundo, ela não terá um caso com o almofadinha.